CD “ELE NÃO ABRIU MÃO”

Primeiro álbum solo do Flávio dos Levitas, “Ele não abriu mão” tem 10 faixas autorais inspiradas e direcionadas por Deus, em diversos estilos, como pop-pentecostal, sertanejo, pop-rock, sertanejo universitário etc. A produção é do maestro Lenno Maia, exceto na primeira faixa, “Sua mão me sustentou”, produzida pelo maestro Melk Carvalhedo. Flávio assina a produção executiva do álbum e a concepção de arranjos de todas as faixas.

Segundo o cantor, a música "Sua mão me sustentou", dada por Deus após um devocional, é uma das mais marcantes do CD. "Tomado de unção" é outra canção que tem marcado as ministrações nos congressos e cultos dos quais o Flávio dos Levitas participa.

Em "Gerando a Samuel", o trabalho é abrilhantado com a participação do filho do cantor, Kaique. Já a faixa que dá nome ao CD, "Ele não abriu mão", é uma canção evangelística, estilo que sempre foi uma marca forte no ministério e na vida do Flávio dos Levitas.

Detalhe, nos arranjos, para os solos de violão, metais, guitarras, sanfona e outros instrumentos. Ungido e muito eclético, o CD "Ele não abriu mão" é um trabalho que vale a pena ser conferido.